Elon Musk desmente Daniela Lima sobre censura da rede social

O bilionário Elon Musk, dono do Twitter, se pronunciou sobre as informações das jornalistas Daniela Lima e Vera Magalhães que acusaram a plataforma de censurar publicações contrárias ao Projeto de Lei 2630/2020.

Daniela, apresentadora da CNN, mostrou ao vivo que não conseguia tuitar uma mensagem a favor do projeto. Uma mensagem de erro aparecia e a postagem não era concluída.

Vera Magalhães também acusou a plataforma de censura, dizendo que teve sua conta desconectada após tentar compartilhar uma manchete da Folha de S.Paulo sobre a crítica do Google ao PL em debate na Câmara dos Deputados.

Musk confirmou a publicação do jornalista norte-americano Glenn Greenwald que, mesmo sendo contra o PL da Censura, também enfrentou os mesmos problemas que as duas jornalistas.

O dono do Twitter escreveu:

– Isto é ridículo [as afirmações de censura]. O Twitter encontrou brevemente problemas de instabilidade que afetaram usuários em todo o mundo. Muitas pessoas fazendo logon simultaneamente. Alocamos mais capacidade de servidores para servidores de autenticação e resolvemos o problema – garantiu.

Previous post Escândalo: ex-chefes de facções do Rio participam de festa da Globo
Next post Visto CPLP não garante ao imigrante viajar aos países da União Europeia
google.com, pub-1493856782872548, DIRECT, f08c47fec0942fa0