CALENDÁRIO: NOVO BOLSA FAMÍLIA tem SAQUE EXCLUSIVO de R$ 900

O Governo Federal oficialmente relançou o maior programa de transferência de renda do país como Bolsa Família, abandonando o nome Auxílio Brasil.

Além disso, outras novidades foram introduzidas, incluindo pagamentos adicionais proporcionais para grupos familiares maiores.

Atualmente, cerca de 21 milhões de famílias são beneficiárias do programa, com um valor mínimo fixado em R$ 600 e a possibilidade de receber mais de R$ 1.000 por mês. Veja a seguir mais informações sobre as novas mudanças no programa.

Quem pode receber o auxílio do Bolsa Família:

Para se inscrever no programa, é necessário estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico) e atender aos seguintes critérios:

  • Situação de extrema pobreza: renda mensal familiar por pessoa de até R$ 105,00;
  • Situação de pobreza (desde que tenham, entre os membros, gestantes ou pessoas menores de 21 anos): renda mensal familiar por pessoa entre R$ 105,01 e R$ 218,00;
  • Ter membros inscritos no Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Ademais, para permanecerem elegíveis ao benefício, as famílias devem:

  • Manter a carteira de vacinação das crianças atualizada e realizar acompanhamento nutricional;
  • Garantir que gestantes realizem o acompanhamento de pré-natal;
  • Assegurar que crianças e adolescentes tenham frequência escolar entre 60% e 75%.

Valor liberado pelo Bolsa Família

Uma das principais mudanças anunciadas pelo governo no programa social é a introdução de pagamentos adicionais. O objetivo é garantir que as famílias beneficiárias que vivem em condições de vulnerabilidade recebam um pagamento justo. Veja abaixo como ficaram os valores:

  • Valor mínimo de R$ 600 por mês para cada família;
  • Adicional de R$ 150 por criança de até seis anos a partir de março;
  • Adicional de R$ 50 para crianças acima de sete anos, adolescentes até 18 anos e gestantes, com pagamento a partir de junho.

Calendário de pagamento do Bolsa Família

Confira as datas de pagamento deste mês:

  • NIS final 1: 20 de março;
  • NIS final 2: 21 de março;
  • NIS final 3: 22 de março;
  • NIS final 4: 23 de março;
  • NIS final 5: 24 de março;
  • NIS final 6: 27 de março;
  • NIS final 7: 28 de março;
  • NIS final 8: 29 de março;
  • NIS final 9: 30 de março;
  • NIS final 0: 31 de março.

Os representantes podem fazer a consulta do benefício pelos seguintes canais:

  • Aplicativo Bolsa Família (ainda com nome de Auxílio Brasil);
  • Aplicativo Caixa Tem;
  • Site da Caixa Econômica Federal;
  • Central de Atendimento 111; ou
  • Central de Atendimento 121.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous post Itaú pagou cachê milionário ao piloto Lewis Hamilton para fazer campanha
Next post Após live, Janja é acusada de se autopromover com a máquina pública
google.com, pub-1493856782872548, DIRECT, f08c47fec0942fa0