Brasil fecha mais de 400 mil empresas só no 1° semestre de 2023

O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil registrou crescimento de 0,9% no segundo trimestre de 2023. O resultado veio acima das expectativas do mercado e alavancou as previsões para o crescimento da economia brasileiro nos próximos meses. No entanto, o cenário no país ainda é desafiador. Um exemplo disso é a diminuição no número de empresas no Brasil nos seis primeiros meses do ano.

Um levantamento feito pela Contabilizei, com base em registros do Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJs), da Receita Federal, aponta que o Brasil perdeu 427.934 empresas entre micro, pequeno, médio e grande porte no primeiro semestre de 2023.O resultado significa um saldo negativo entre empresas abertas e fechadas no país, excluindo da conta os Microempreendedores Individuais (MEIs).

Os números ainda indicam que o fechamento tem sido mais frequente do que as aberturas desde o 4º trimestre de 2021. Nesse intervalo de tempo foram abertas 2,08 milhões de empresas enquanto 2,83 milhões foram fechadas.

Olhar Digital

Previous post IBGE anuncia concurso para nível médio com 120 vagas; confira detalhes
Next post Exclusivo: Apresentadora da Globo liga PT ao Hamas ao vivo
google.com, pub-1493856782872548, DIRECT, f08c47fec0942fa0