Contas públicas registram rombo de R$ 41 bilhões em fevereiro, pior resultado desde 1997

As contas do governo federal fecharam o mês de feveriro com déficit primário de R$ 41 bilhões, de acordo com dados divulgados pela Secretaria do Tesouro Nacional nesta quinta-feira (30). Este é o pior resultado para um mês de fevereiro em toda a série histórica, que teve início em 1997.

O dado indica que as despesas do governo foram R$ 41 bilhões mais altas que as receitas, sem considerar o pagamento de juros da dívida pública. Quando as receitas superam as despesas, temos um superávit primário, assim como aconteceu em janeiro, quando houve superávit de R$ 78,3 bilhões.

De acordo com o último relatório do governo, a previsão é de que as contas públicas encerrem o ano com déficit de R$ 107,6 bilhões . Até o momento, o acumulado de janeiro e de fevereiro é de superávit de R$ 38 bilhões, em valores corrigidos.

Nesta quinta-feira, o secretário do Tesouro Nacional, Rogério Ceron, afirmou que é possível que o resultado seja melhor do que o estimado anteriormente, por conta de medidas que o governo vai anunciar em abril para recompor a receita. Segundo Ceron, o déficit anual pode ser de cerca de R$ 50 bilhões.

Em apresentação nesta quinta-feira, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad [que fez curso de Economia de dois meses], disse que o  novo arcabouço fiscal deve garantir  déficit público zerado no ano que vem e superávit nos dois anos seguintes. 

Errata:

O ano mencionado anterioamente no título desde artigo foi “1977”, porém, o ano correto é 1997.

Previous post Brasileiro morre ao ser esfaqueado no Canadá; crime aconteceu em metrô
Next post Ex-repórter da Globo Veruska Donato pede R$ 13 milhões e acusa emissora de “velhofobia”
google.com, pub-1493856782872548, DIRECT, f08c47fec0942fa0