Maior assassino do Brasil morre assassinado em São Paulo

Considerado o maior serial killers do Brasil, Pedro Rodrigues Filho, mais conhecido como o Pedrinho Matador, de 69 anos, foi assassinado, neste domingo (5/3), no Bairro Ponte Grande, em Mogi das Cruzes, São Paulo.

Segundo o portal Hoje Diário, Pedrinho estava em frente de casa quando foi abordado e baleado por vários homens encapuzados. Eles desceram de um carro para executá-lo. Ao menos seis tiros acertaram a vítima. Ao jornal Metrópoles, a Polícia Civil de Mogi das Cruzes confirmou que o corpo, encontrado na rua com várias perfurações, é de Pedrinho Matador. A perícia foi acionada.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) atestou o óbito do homem no local. Pedrinho Matador é considerado o maior assassino da história do Brasil. Ele respondeu por 71 homicídios e, entre idas e vindas, ficou 42 anos preso.

Artigos de nossos parceiros que podem lhe interessar:

Previous post Endividada: Hapvida tenta captar R$ 750 milhões após perder R$ 11,2 bilhões em valor de mercado
Next post Flamengo envia transferência de mais de R$ 1 milhão para pessoa errada e tenta recuperar na Justiça
google.com, pub-1493856782872548, DIRECT, f08c47fec0942fa0