Oposição quer EUA prendam Maduro na Argentina, saiba detalhes

A presidente do partido político de centro-direita argentino chamado “Propuesta Republicana”, Patricia Bullrich, fez um discurso neste domingo (22) ao Drug Control Administration (DEA), órgão do governo americano que trabalha no combate ao tráfico de drogas, para que Nicolás Maduro seja preso. O ditador da Venezuela deve pisar em solo argentino nesta terça-feira (24) para participar da Cúpula da Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac).

– Estou firmemente convencida de que é fundamental colocar em funcionamento os mecanismos legais que tornem efetiva a detenção de Maduro, não apenas pelo que está estabelecido no Estatuto de Roma, que considera que os crimes contra a humanidade têm jurisdição internacional, mas também acredito que a justiça argentina tem que dar um sinal claro que imponha limites a essas tentativas de transformar nosso país em um refúgio no futuro imediato, do pior da política antidemocrática regional – disse Bullrich ao jornal argentino MDZ.

São 33 países latino-americanos e caribenhos que estarão na cúpula da Celac em Bueno Aires. O presidente Lula (PT) confirmou presença no evento. Em janeiro de 2020, o então presidente Jair Bolsonaro (PL) suspendeu a participação do Brasil no bloco por entender que se tratava de “palco para regimes não-democráticos”, como é o caso da Venezuela, Cuba e Nicarágua.

Lula chegou a convidar Nicolás Maduro para participar de sua posse como presidente do Brasil, mas o ditador venezuelano acabou desistindo de comparecer.

Vale ressaltar que os Estados Unidos mantém sua política de captura de Maduro, oferecendo US$ 15 milhões como prêmio por quem oferecer informações que levem à prisão do presidente da Venezuela. Ele é acusado pelo Departamento de Justiça dos EUA de narcoterrorismo, lavagem de dinheiro e corrupção.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous post Sob governo Bolsonaro foram entregues mais de 25 toneladas de alimentos aos yanomamis; e realizadas mais de 25 mil apreensões contra garimpos, 75 só de aeronaves
Next post De ex-ator pornô a político derrotado, Frota detona a Jovem Pan e quer criar canal de notícias
google.com, pub-1493856782872548, DIRECT, f08c47fec0942fa0