Michelle Bolsonaro ironiza denúncia sobre joias ilegais, “Estou rindo”

Michelle Bolsonaro, ex-primeira-dama do Brasil, usou suas redes sociais para ironizar uma reportagem do jornal O Estado de S. Paulo que afirmava que o governo de Jair Bolsonaro tentou trazer ilegalmente diversas joias avaliadas em mais de R$ 16 milhões para o Brasil. Segundo a reportagem, as peças seriam um presente do governo da Arábia Saudita para Michelle, que visitou o país em outubro de 2021 junto com a comitiva presidencial.

No entanto, as joias foram apreendidas no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, estando na mochila de um assessor de Bento Albuquerque, então ministro de Minas e Energia. De acordo com o Estadão, Bento tentou usar seu cargo para liberar as joias, argumentando que elas eram um presente para Michelle Bolsonaro.

A lei brasileira exige que todo bem com valor acima de US$ 1 mil seja declarado à Receita Federal. Como as joias não foram declaradas, foram retidas pelo órgão. O governo Bolsonaro tentou recuperar as joias quatro vezes, por meio dos ministérios da Economia, Minas e Energia e Relações Exteriores.

Na quarta tentativa de recuperar as joias, realizada três dias antes de Bolsonaro deixar o governo, um funcionário público utilizou um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) para se deslocar a Guarulhos. O homem teria se identificado como “Jairo” e argumentado que nenhum objeto do governo anterior poderia ficar para o próximo. Bolsonaro também enviou um ofício ao gabinete da Receita Federal solicitando que as joias fossem destinadas à Presidência da República.

No Instagram, Michelle Bolsonaro ironizou a reportagem, questionando se ela possuía as joias mencionadas na matéria e rindo da falta de cabimento da imprensa.

Previous post Matheus Nachtergaele é dispensado da TV Globo após 22 anos de contrato
Next post Endividada: Hapvida tenta captar R$ 750 milhões após perder R$ 11,2 bilhões em valor de mercado
google.com, pub-1493856782872548, DIRECT, f08c47fec0942fa0