Após queda nos lucros, Facebook e Instagram planejam nova rodada de demissões, diz Jornal

A Meta, detentora do Facebook e do Instagram, adiou a definição dos orçamentos para algumas de suas equipes, o que pode resultar em uma nova rodada de demissões. De acordo com relatos de duas fontes da empresa ao Financial Times, a decisão é parte do esforço do CEO Mark Zuckerberg para cortar despesas.

Infelizmente, o atraso nas decisões orçamentárias tem afetado o andamento de projetos e até mesmo prolongado a aprovação deles por até um mês.

O jornal Financial Times informou que a Meta está pedindo aos gerentes que aceitem funções como colaboradores individuais ou que saiam da empresa, num processo conhecido como “achatamento”.

Este é um desenvolvimento preocupante para os funcionários da Meta, mas é importante destacar que a empresa está se esforçando para encontrar formas de otimizar seus gastos e continuar a crescer de forma saudável. Ao mesmo tempo, é crucial para a empresa manter o equilíbrio entre o crescimento e a sustentabilidade financeira a longo prazo.

Em 9 de novembro de 2022, a big tech já havia anunciado a demissão de mais de 11.000 funcionários, “cerca de 13%” do seu quadro global de colaboradores à época, segundo a empresa.

Os novos cortes devem ser informados e concretizados até março, segundo os relatos publicados no Financial Times. A Meta não quis comentar.

LUCRO EM 2022

A Meta divulgou em 1º de fevereiro os resultados financeiros do 4º trimestre de 2022. A receita da bigtech, que fechou em US$ 32,1 bilhões, diminuiu 4% em relação aos US$ 33,7 bilhões alcançados no mesmo período de 2021. Eis a íntegra do relatório (184 KB).

O lucro líquido da companhia de Mark Zuckerberg recuou 55%, quando comparado ao último trimestre de 2021. Passou de US$ 10,3 bilhões para US$ 4,7 bilhões em 2022.

Os dados consolidados do ano de 2022 da Meta também foram divulgados. A receita total da empresa foi de US$ 116,7 bilhões. Houve baixa em comparação ao ano anterior, que correspondeu a US$ 118 bilhões (queda de 1% no ano a ano).

Previous post Americanas divulga lista de credores maior que o esperado e dívida também
Next post Me Poupe: Nathália Arcuri diz que empresa vale R$ 1 bilhão; declaração veio após demitir centenas de funcionários
google.com, pub-1493856782872548, DIRECT, f08c47fec0942fa0