Surfista brasileiro morre nas ondas gigantes de Nazaré em Portugal

Um fato triste aconteceu com um surfista brasileiro chamado Marcio Freire, de 47 anos, ele morreu na Praia do Norte, em Nazaré, Portugal, nesta quinta-feira (5). O lugar é conhecido por proporcionar aos praticantes do esporte ondas enormes, e foi numa delas que Marcio caiu e se afogou.

A Autoridade Marítima Nacional de Portugal confirmou a morte. Um alerta foi emitido aos Bombeiros Voluntários de Nazaré por volta das 16h20 (horário local) e comunicava um acidente com um surfista que estaria praticando tow-in, modalidade de surfe quando o atleta é puxado por uma corda para o encontro da onda. Ele foi socorrido de jet ski e conduzido para a areia, mas já apresentava parada cardiorrespiratória.

Equipes de salvamento realizaram procedimentos de primeiros socorros por afogamento, mas sem êxito. Já no local foi constatada a morte do surfista. O corpo foi levado para o Instituto de Medicina Legal de Leiria.

Pietro França, colega de esporte de Marcio, concedeu entrevista ao site Waves e contou tudo o que viu na hora do acidente.

– Foi na remada. Ele pegou uma bomba, todo mundo viu, e caiu. Foi para baixo e não voltou, ficou todo mundo tentando achar. Só que ele estava só com o colete normal, sem o inflável – relatou.

AUTORIDADE MARÍTIMA NACIONAL DE PORTUGAL EMITIU NOTA

Um homem de 47 anos, de nacionalidade brasileira, morreu esta tarde depois de ter sofrido uma queda enquanto praticava surf rebocado na praia do Norte, no concelho da Nazaré.

Na sequência de um alerta recebido pelas 16h20, através dos Bombeiros Voluntários da Nazaré, a informar para a queda de um surfista na praia do Norte, foram ativados de imediato para o local elementos do Comando-local da Polícia Marítima da Nazaré. Para o local deslocaram-se também elementos dos Bombeiros Voluntários da Nazaré e do INEM.

O surfista, um homem de 47 anos e de nacionalidade brasileira, foi resgatado para o areal pela mota de água de apoio à atividade, tendo os nadadores-salvadores verificado que a vítima se encontrava em paragem cardiorrespiratória, iniciando de imediato as manobras de reanimação até à chegada dos elementos dos Bombeiros Voluntários da Nazaré e do INEM, que prosseguiram com as manobras.

Após várias tentativas, não foi possível reverter a situação, tendo o óbito sido declarado no local pelos elementos do INEM. Foi contactado o Ministério Público e o corpo foi transportado pelos Bombeiros Voluntários da Nazaré para o Instituto de Medicina Legal de Leiria.

O Gabinete de Psicologia da Polícia Marítima foi ativado para prestar apoio aos familiares da vítima.

O Comando-local da Polícia Marítima da Nazaré tomou conta da ocorrência.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous post Fugitivo brasileiro condenado a 20 anos de prisão é detido em Portugal
Next post Portugal libera site para imigrantes solicitarem número de segurança social
google.com, pub-1493856782872548, DIRECT, f08c47fec0942fa0